Hands Free

30 de julho de 2011 § Deixe um comentário

Mãos que se tocam fazendo de dois um. Braços que seguem das mãos até os ombros provocando vontade de abraçar e fazer a melhor carícia pra você. Peito para ser o seu refúgio e te fazer sempre confortável. Olhos para acompanhar os seus passos quando chega ou quando vai. Ouvidos para perceber sua doce voz ou o barulho que o grilo faz no silêncio que nosso conforto provoca.

Freedom. Livre, para ser quem te faz sorrir. Na liberdade fazer valer o sentido de amizade. Sem cordas, sem amarras, sem cobranças. Acordando na hora em que conseguimos levantar depois de um ontem maravilhoso. Algumas coisas para não se preocupar, além da saudade. Pode mesmo ser contraditório, mas é melhor ser preso a ti que totalmente livre. E fico livre para ser o seu refúgio.

Mãos que se libertam para acenar. Braços para enolver. Mente que procura novas palavras para escrever o melhor de eu e você. Quando, depois do amanhecer, não houver mais nada para colocar nos dedos, tente entrelaçar sua mão na minha. Pelo menos pode estar certa de que minha sina será sempre a de acompanhar você de perto, fazendo-nos um só naturalmente. Hands free, vamos devagar. Um cigarro entre os dedos para sorrir sem ter motivo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Hands Free no CONTRADITÓRIO.

Meta

%d blogueiros gostam disto: